A Defensoria Pública do Estado do Espírito Santo vê com preocupação o conteúdo de uma postagem que está sendo difundida anonimamente por meio de aplicativo de mensagens.

Na imagem, defensores e defensoras públicas são qualificados como agentes que defendem e ajudam a soltar bandidos.

Nos termos da Constituição da República, a Defensoria Pública é instituição permanente do Estado, expressão do regime democrático e encarregada da promoção de direitos humanos, tão violados nesta sociedade injusta e desigual que ainda vivemos

No exercício dessa missão constitucional, os defensores e as defensoras públicas realizam inúmeras atividades, dentre as quais a defesa dos necessitados e vulneráveis, tais como idosos, crianças, adolescentes, consumidores, mulheres vítimas de violência, usuários de serviços públicos etc.

No ano de 2019, no Espírito Santo, foram mais de 600 mil cidadãos atendidos. Não é por outro motivo que uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas e divulgada no dia 02 de Dezembro de 2019, revelou ter a Defensoria Pública a melhor avaliação do sistema de Justiça, na qual 78% dos entrevistados aprovam a atuação da Instituição. No quesito confiança, a Defensoria também está à frente de todos.

Salienta-se que a defesa de acusados de crimes e apenados - atividade difundida como sendo supostamente desqualificadora da instituição na referida postagem - é exigência do próprio regime democrático.

Sem a atuação da Defensoria Pública criminosos saem impunes e inocentes condenados.

Portanto, é profundamente lamentável que na justa busca por melhorias remuneratórias de categorias que prestam um importante papel para a sociedade, sejam disseminadas desinformação e inverdades relacionadas à atuação da Defensoria Pública Brasileira.

Não é demais dizer que a Defensoria Pública, constitucionalmente destinada à promoção dos direitos humanos e à defesa integral e gratuita das populações vulneráveis, mobilizada e articulada junto à sociedade civil, estará sempre organizada para preservar os direitos e garantias fundamentais dos cidadãos.

Quem somos

O Colégio Nacional de Defensores Públicos-Gerais (Condege) congrega Defensores-Gerais de todos os Estados do Brasil, do Distrito Federal e da União, além de representantes de associações nacionais de Defensores Públicos.
Rua Marquês do Amorim, nº 127, Bairro Boa Vista, Recife/PE - CEP: 50070-330
(81) 3182-3702
presidencia@condege.org.br

Assessoria

Gabinete da Presidência
E-mail:  presidencia@condege.org.br
Telefones: (81) 3182-3701 | 3182-3702
Celular: (81) 98494-1235

 

Assessoria de Comunicação: Fátima Freire
E-mails: ascomdppe@defensoria.pe.gov.br
Telefone: (81) 3182-3707
Celular: (81) 98494-1233

 

Newsletter

Assine para receber nossas últimas novidades!